Obrigatoriedade da NFC-e: novos prazos

Definido os novos prazos para obrigatoriedade da emissão de NFC-e.

Conforme já era esperado, o governo do estado do Rio Grande do Sul, anunciou um novo corte no faturamento das empresas para início da obrigatoriedade de emissão de nota fiscal ao consumidor eletrônico (NFC-e). 

A obrigatoriedade até o momento era para as empresas com faturamento superior a R$360 mil, restando apenas as empresas com o faturamento igual ou inferior para entrar na obrigação na virada de 2018 para 2019.

No entanto, o novo corte define que apenas as empresas com o faturamento igual ou inferior a R$360 mil, porém, superior a R$120 mil vão precisar começar a emitir a NFC-e a partir de 1 de janeiro de 2019.

As empresas que tenham os ganhos igual ou inferior a R$120 mil, precisam se adequar as regras somente em 1 de janeiro de 2020.

Se a sua empresa está ou não na obrigatoriedade de emissão de notas eletrônicas, o melhor a fazer é começar a se adequar o quanto antes. Para isso conheça o emissor online de NFC-e da PROSIS. Com ele você emite notas de qualquer lugar a qualquer hora de forma simples e prática. E o melhor, sem cobranças de mensalidade e suporte.

Acesse o link do nosso site, e conheça mais do emissor online da PROSIS.

http://www.prosisinformatica.com.br/affinconf/